Faltam profissionais motoristas para o TRC, aponta pesquisa da CNT

  • Faltam profissionais motoristas para o TRC, aponta pesquisa da CNT

    Das empresas que responderam à pesquisa, 65,1% relataram dificuldade em encontrar motoristas

    De acordo com a Pesquisa CNT, cerca de 45% das empresas do Transporte Rodoviário de Cargas (TRC), que responderam à pesquisa de Perfil Empresarial, têm vagas disponíveis para motoristas. Das empresas mencionadas, 60,4% delas são de grande porte, com mais de 100 funcionários. Os dados estão no levantamento inédito divulgado pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) na última quinta (7).

    Dentre as empresas que responderam ao estudo, o maior número de oportunidades para motoristas está naquelas que têm sede em Santa Catarina, com 17,4%, seguido das que estão em São Paulo e Minas Gerais, ambas com 14,5% das vagas disponíveis. Em patamar próximo estão as empresas localizadas no Paraná (14,0%) e no Rio Grande do Sul (10,1%).

    Profissionais com pouco tempo de experiência no TRC é outro fator que leva à dificuldade de contratação, segundo responderam 46,1% das empresas no levantamento. A segunda maior adversidade, identificada por 31,5% delas, é encontrar profissionais qualificados e com treinamento direcionado ao setor rodoviário de cargas.

    A atividade com maior carência no mercado é de motoristas, 65,1% dos empresários do TRC citaram não encontrar com facilidade esse profissional. Dentre as empresas que participaram do levantamento, 19,2% acrescentaram ao problema a falta de mecânicos e 15,1%, a carência de gestores operacionais.

    Fonte: Frota&Cia