Multas a caminhões na Ponte Rio-Niterói batem recorde

  • Multas a caminhões na Ponte Rio-Niterói batem recorde

    As multas a caminhões que transitam fora do horário permitido no trecho ganhou notoriedade com o aumento expressivo de notificações

    Multas a caminhões que transitam fora do horário permitido na Ponte Rio-Niterói batem recorde. Foram registradas 6.710 infrações do tipo nos cinco primeiros meses deste ano, contra apenas 12 no mesmo período de 2020. O recorde de multas foi registrado no último mês de maio, quando 2.260 infrações do tipo foram computadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

    A passagem de veículos de carga na ponte voltou a ser restrita em dezembro de 2020, após o período mais crítico da pandemia, quando o trânsito de caminhões foi liberado na rodovia em todos os horários.

    No sentido Rio de Janeiro, caminhões com dois eixos não podem trafegar das 4h às 10h nos dias úteis. Já os veículos de carga com três ou mais eixos não podem passar na ponte das 4h ao meio-dia. Em direção a Niterói, veículos com dois eixos não têm restrições de horários. E os com três ou mais eixos não podem passar do meio-dia às 22h.

    Presidente do Sindicato das Empresas de Transporte Rodoviário de Cargas e Logística do Rio de Janeiro (Sindicarga), Silvio Carvalho, diz que os motoristas são orientados a respeitarem a restrição de horários na ponte.

    Fonte: Frota&Cia