O óleo diesel comum, conhecido também como S500, pode ser descontinuado no Brasil. A proposta é da ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) e será submetida a consulta e audiência públicas, de acordo com determinação da diretoria colegiada no dia 28 de abril. Além do diesel comum, a ANP pretende descontinuar o óleo diesel S1800, usado na geração de energia em termelétricas, mineração, ferrovias e outras finalidades não rodoviárias. Ambos serão substituídos pelo diesel S10, com baixo teor de enxofre. “Desde 2014, com a introdução do S10, a oferta desse combustível tem crescido anualmente. Atualmente, situa-se em torno de 60% de todo o diesel consumido no país. E a demanda pelo S10 deve se intensificar com a entrada da fase P8 do programa de controle da poluição do ar por veículos automotores. E também a entrada desse combustível pode ser importante para reduzir a dependência do diesel importado”, afirmou o diretor Daniel Maia. Fonte: Frota&Cia